Uso do laser para tratamento do Glaucoma

Laser para tratamento do Glaucoma

O glaucoma é uma doença crônica e silenciosa, que se não diagnosticada precocemente e não tratada de maneira adequada, pode levar à cegueira. Leia Mais

O principal tipo de glaucoma é o glaucoma de ângulo aberto, muitas vezes relacionado à idade do paciente. Leia Mais

A principal forma de tratamento é através da redução da pressão intraocular. A cirurgia à laser também tem esta finalidade, mas embora seja muito comum nos EUA e Europa, é pouco utilizada no Brasil.

Atualmente as técnicas mais utilizadas para a redução da pressão ocular são:

  • Utilização de colírios hipotensores
  • Cirurgia

Leia mais sobre os tratamentos do Glaucoma

Cirurgias para tratamento do glaucoma

As opções cirúrgicas mais comuns costumam ser invasivas. O cirurgião oftalmológico realiza um procedimento criando uma espécie de dreno dentro do olho para o escoamento do líquido (Humor Aquoso), de forma a reduzir a pressão ocular. Este tipo de procedimento normalmente é realizado em ambiente hospitalar sendo que o paciente fica afastado de suas atividades rotineiras por pelo menos duas semanas.

O laser seria uma opção ou alternativa intermediária entre os colírios e a cirurgia.

Trabeculoplastia Seletiva

Entre as opções de laser para o tratamento do glaucoma, destacamos a trabeculoplastia seletiva (SLT) como a principal opção na atualidade.

O laser da trabeculoplastia seletiva, diferente do laser tradicional, aumenta a permeabilidade da malha trabecular, facilitando o escoamento (limpando o ralo do olho) sem causar danos ao tecido.

Trata-se de um tratamento rápido, praticamente indolor, com poucos efeitos colaterais e eficaz para o controle da pressão intraocular para pacientes com glaucoma de ângulo aberto.

É possível, caso seja necessário, realizar novamente a cirurgia sem maiores riscos.

Este procedimento não exige internação hospitalar e pode ser acompanhado no próprio ambulatório.

Nossa equipe operou mais de 100 pacientes nos últimos anos e tem uma vasta experiência com o tratamento. No primeiro ano após o procedimento à laser foi constatada a diminuição da pressão intraocular, auxiliando no controle da progressão da doença.

Vale ressaltar que nenhum tratamento disponível atualmente é capaz de recuperar o campo de visão já perdido pelo glaucoma.

Infelizmente, este tipo de tratamento ainda é restrito a algumas capitais do Brasil e de um pequeno grupo de médicos e, consequentemente, acessível apenas à uma pequena parcela da população (diferentemente do que ocorre em países mais desenvolvidos).

Ao longo dos anos, o Dr. Tiago Prata e sua equipe puderam estudar a eficácia do laser, com resultados publicados em revistas científicas internacionais.